Aqui você cresce com a gente!

71 3114-3400

Projeto Gentileza: Alunos do C2J criam árvore simbólica para receber calouros da F2J

Os alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental I usaram material reciclado para montar a árvore

29 de julho de 2019 |

Fotos: Ascom Fundação 2 de Julho

Nas manhãs dos dias 22 e 29 de julho, os alunos do ensino fundamental I do Colégio 2 de Julho (c2j) se reuniram para construir, utilizando material reciclado, uma árvore coletiva que será exposta como um presente de boas-vindas aos calouros da Faculdade 2 de Julho (F2J). As atividades fazem parte do projeto Gentileza, que durou todo o mês de julho, reforçando com atividades na escola e com os pais a importância de ser gentil.

O projeto faz parte do projeto, implantado em 2018, O Líder em mim (OLEM), que busca desenvolver as competências socioemocionais nos estudantes, através da criação de um ambiente que estimule hábitos positivos.

Professora de artes Camila Paes, durante atividade com os alunos do ensino fundamental I

A auxiliar de artes do colégio, Ângela Maciana, explica sobre a atividade e o processo de gentileza. “Com cada parte, nós vamos montar uma árvore”, diz. Os materiais utilizados para a produção são simples, mas estão entre os maiores produtores de lixo: garrafas pets e papelão (rolo de papel higiênico). Com as garrafas, as crianças coloriram flores e folhas, e com os rolos, produziram a árvore que estará exposta no pátio do pavilhão Irene Baker a partir do dia 14 de agosto.

Ângela Maciana ajudando alunos durante a atividade da segunda-feira (22)

Para a coordenadora do fundamental I, Laura Saldanha, é de fundamental importância colocar em pauta e em prática a questão da gentileza nas atividades do colégio. “Desde o dia 1º até o último dia de julho, nós temos desafios sobre a gentileza. Esse projeto é importante para que a gente perpetue isso nesta nova geração, essa coisa de ceder, de respeitar ao próximo, entre outras coisas”, explica.

“A intenção é que os alunos da faculdade, que nós consideramos líderes atuais recebam um pouquinho, o carinho através de um gesto de gentileza da futura geração que estará no lugar deles”, afirma a coordenadora Laura Saldanha.

Confira fotos da oficina: